Atmosfera-gelo (calibração isotópica)

Amostragem, concomitante, de neve recente e medidas de temperatura  do ar, permitiram “calibrar” os dados de isótopos de Oxigênio e Hidrogênio. Isto torna possível determinar temperaturas do ar pretéritas a partir da análise isotópica nos testemunhos de gelo (quando devidamente datados). Este tipo de “reconstrução da temperatura do ar” é fundamental para localidades nunca antes monitoradas. (Thiago Pinto/Alerson Rodrigues/Heitor Evangelista)

Curvas de calibração isotópicas obtidas a partir de amostras no Criosfera 1